12.5.08

DIA DE FESTA, DO DEVIR-FESTA


Na próxima terça-feira, 13 de maio, a partir das 19h, o Projeto Escrituras TIPOgráficas lança seu segundo número, com o poema Navio Negreiro, de Castro Alves. O lançamento, que comemora a passagem dos 120 anos da Abolição da Escravatura no Brasil, faz parte da programação de reabertura do recém-ampliado bar Balaio de Gato.

Idealizado pelos designers Flávio Vignoli e Laura Bastos, o projeto Escrituras TIPOgráficas consiste na concepção, montagem e confecção de livros artesanais em edições numeradas. “Selecionamos textos importantes da poesia de língua portuguesa que se encontram há muito fora de circulação e que são montados em tipos móveis de metal, ilustrados com clichês ou gravuras, impressos em papel especial e finalizados com acabamento diferenciado como costuras e encadernações manuais” diz Flávio Vignoli, que assina o projeto gráfico. O tipógrafo e mestre Ademir Matias é o responsável pela cuidadosa composição dos tipos e impressão das páginas, e assina os exemplares um a um. “É um trabalho minucioso, sou um obstinado pela perfeição na montagem dos tipos, do espaço branco, sem a ajuda de qualquer tecnologia digital. É importante uma iniciativa como essa, que valoriza a produção artesanal. São verdadeiros livros de arte”, conta Matias. 

O primeiro número da coleção trouxe o poema Tabacaria, de Fernando Pessoa, assinado pelo seu heterônimo Álvaro de Campos. “Este poema foi escolhido por um motivo afetivo e, claro, pela sua representatividade na obra do Fernando Pessoa. Escrito em 1928, este primeiro número do projeto, coincidentemente, também comemorou os 80 anos de vida do poema”, afirma Vignoli. 

O projeto Escrituras TIPOgráficas tem outros desdobramentos previstos para este semestre. Um deles ficará a cargo do poeta Ricardo Aleixo, que assinará a curadoria de uma coleção que reunirá poemas de alguns dos mais destacados poetas brasileiros da atualidade.

Tabacaria já está à venda nas livrarias Scriptum e Quixote e na loja do Balaio de Gato por 20 reais. No próximo dia 13 de maio, a partir das 19h, a nova edição de Navio Negreiro será apresentada ao público com performance especialmente concebida por Ricardo Aleixo, com as participações especiais do músico e ator Gil Amâncio, do músico Benedikt Wiertz, do poeta e compositor Waldemar Euzébio, da cantora Gabriela Pilati e do poeta e tradutor Leo Gonçalves, que homenageará o poeta antilhano Aimé Césaire, recentemente falecido.

Navio Negreiro estará à venda com preço especial de lançamento, tira-gosto afro e drink-cortesia do “novo” Balaio de Gato (rua Piauí, 1052). Entrada franca.

2 comentários:

Marcelo Kraiser disse...

Pena que tenho outro compromisso nesse dia mas desejo sucesso e alegria para vocês todos!

Letícia disse...

Pena que estou atrasada 24 horas...
Teve bom?