18.12.09

Como já dizíamos no Movimento Literatura Urgente, em 2005, não basta falar só de LIVRO e LEITURA,

TEMOS FOME DE LITERATURA



Um comentário:

Penetralia disse...

Boas festas e tudo bem, poeta!

Avante com essa sua ideia: o autor realmente é um grande sofredor em todo o processo onde muitos ganham!